Últimas medidas para tornar o aeroporto de Goiânia internacional

O aeroporto Santa Genoveva, de Goiânia, passa pelas ultimas adaptações necessárias para a sua internacionalização. Além de facilitar a vida do turista goiano, com oportunidades que voos internacionais sem conexões, a expectativa é que mudança seja um fator a aquecer o turismo no Estado.

 

Algumas adaptações exigidas pela Polícia Federal, Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional ainda devem ser cumpridas para tornar o aeroporto internacional. Entre elas está a ampliação do espaço para Raio X e adaptações físicas para segurança. Após isso, a Anac ainda tem que emitir portaria com a autorização para voos internacionais. Processo que deve demorar 30 dias.

 

O presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral, aponta que o Estado está fazendo a sua parte para que a internacionalização saia do papel. Além da iniciativa de preparar o aeroporto para receber voos diretos internacionais, o governo ainda baixou o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que incide sobre o combustível de avião, de 15% para 7%. O que já deu resultados práticos como a atração de novos voos, como o Rio Verde – São Paulo.

“Estamos facilitando a logística dos empresários […] O que pode incrementar não somente o turismo de negócios, mas eventos de moda, lazer e saúde. E acredito que tanto a internacionalização, quanto a queda na taxa do combustíveis vai ampliar o ambiente de negócios no Estado”.

Investimento no Turismo

Fabrício Amaral falou algumas semanas antes a imprensa sobre o projeto Caminho de Cora Coralina, uma iniciativa do Governo de Goiás, que, segundo ele, este ano vai entrar no cenário internacional. Garantiu que o Caminho será dotado de infraestrutura, como acesso à Internet, mirantes e locais de atendimento, para receber bem os turistas. Em janeiro, a Goiás Turismo firmou convênio com o Ministério do Turismo, no valor de R$ 1,5 milhão, e esses recursos serão investidos no projeto, informou.

 

A TBC vai produzir uma série de reportagens para um quadro que apresentará as cidades goianas e seus potenciais turísticos. Está previsto para que a partir deste mês, o material seja exibido nos telejornais e ao longo da programação da emissora.

 

De acordo com José Roberto Leão, entre as funções primordiais da ABC é integrar as ações de governo, informar a população e valorizar a cultura de Goiás.

“Cada cidade e região têm o seu produto cultural, não só o turismo, mas junto com a gastronomia e outros segmentos econômicos. Queremos aproveitar o que tem de bom e positivo de cada município, cada região, e divulgar isso no Estado e fora dele. Por isso, é fundamental a parceria com o turismo”, destacou.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.