Cervejas goianas ganham prêmios em maior concurso de categoria no Brasil

Mais de duas mil e oitocentas amostras das mais diversas marcas concorreram no Festival Brasileiro da Cerveja

O dia 6 de março certamente foi inesquecível para a pioneira no mercado cervejeiro artesanal goiano, a Cerveja Colombina. Isso porque, ao mesmo tempo em que recebia convidados e imprensa em sua fábrica, na região de Aparecida de Goiânia-GO, para a divulgação do line-up do Festival Bananada (onde será a cerveja oficial), a marca liderada pela engenheira de alimentos Patrícia Mercês ganhava, em Blumenau-SC, duas medalhas no renomado Concurso Brasileiro de Cerveja.

O evento compôs a programação do Festival Brasileiro da Cerveja,  que além de ser considerado o maior concurso desta natureza no Brasil, é visto por grande parte dos expositores, jurados e amantes da bebida como um verdadeiro termômetro da indústria cervejeira nacional. Mais de 2.850 amostras das mais diversas marcas foram enviadas ao Concurso, sendo que apenas 8% destas foram premiadas, entre elas dois rótulos da Cerveja Colombina, representando o estado de Goiás.

No estilo Brazilian Beer com ervas e especiarias, a premiada com medalha de bronze foi a Colombina Romaria. “A base desta cerveja é o estilo Belgian Dark Strong Ale, com adição de Baunilha do Cerrado e Mutamba. Ela foi medalha de bronze em 2016, na categoria Herb and Spice, que era uma categoria até então genérica para essas cervejas. Agora em 2018 foi criado pelo Concurso um novo estilo, o Brazilian Beer com ervas e especiarias,” pontua o sommelier de cervejas Alberto Nascimento, que desde 2014 participa firmemente da garantia da qualidade de todos os produtos do rótulo goiano e aponta como diferencial a preocupação da marca em reforçar sua identidade, valorizando frutos e sabores locais.

Esta valorização foi notada pelos jurados no momento de pontuar o estilo Brazilian Beer com Frutas, que resultou na segunda premiação para a marca goiana durante o evento. A Colombina Saison do Pé Rachado, que leva o Pequi em sua composição, recebeu a medalha de prata desta categoria. “Para nós, sermos reconhecidos com duas medalhas nos estilos Brazilian Beer foi muito gratificante, pois a utilização de ingredientes regionais é nossa principal proposta de trabalho,” completa Alberto, que lembra que a Cerveja Colombina foi pioneira no uso de frutos regionais do Cerrado em suas produções.

E é justamente esta riqueza de sabor e aromas típicos do Cerrado que têm auxiliado a Cerveja Colombina rumo a voos cada vez mais altos e precisos. Um outro destaque é o fato de que em 2017 a pioneira em cervejas artesanais goianas alcançou o público europeu, sendo comercializada na Áustria e Alemanha. São essas conquistas que fazem com que a Cerveja Colombina busque cada vez mais novas inspirações e experiências gustativas vindas de uma região rica em cultura, sabor e constante renascimento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s